Desde uma semana até um ano académico completo, nível iniciante ate nível superior, Inhispania tem o curso que você necessita. Clique no link abaixo para obter mais informação sobre seu curso de espanhol.

Catálogo de cursos

Acomodação

Se você precisa de acomodação em Madrid durante o periodo que ira estudar com Inhispania, podemos oferecer varios tipos de acomodação, escolha entra as opçōes que oferecemos.

inhispania-student-apartment

Apartamento para estudantes

inhispania-student-residence

Residência estudantil

inhispania-home-stay

Casa de familia

Verifique seu nível
Quer aprender
espanhol?

Calcule o preço
Quanto custa estudar
Inhispania?

Reserve seu curso
Você está interessado em nossos
cursos de espanhol em Madrid?

Nivels

Nossos cursos de espanhol tem a estrutura de 6 niveis de aprendizado de acordo com o Plano Curricular do Instituto Cervantes e MCER do Conselho da Europa: desde do nivel inicial A1 até nivel superior C2. Verifique agora o seu nivel de espanhol!

Course Online

I.- Conteúdo gramatical para o nível A1

O substantivo
Sexo e número de substantivos.
Masculino feminino.
Formação de plurais.
Classes de substantivos: antropônimos, nomes de lugares, nomes comuns.

O sintagma nominal
Concordância em gênero e número de determinante, substantivo e adjetivo.
A ordem do sintagma nominal.
Concordância do substantivo pessoas.
O vocativo.

O adjetivo
Gênero e número de adjetivos.
Masculino feminino.
Formação de plurais.
Posição do adjetivo.
Comparação. Graus do adjetivo: mais que, menos que, mais ou menos
O que.
Superlativo com muito.
Apócopes: ótimo / ótimo.
Classes de adjetivos: adjetivos de qualificação, gentilices.

A frase adjetiva
Modificadores: muito, pouco, muito.
O pronome exclamativo o que + adjetivo.

O artigo
Artigos específicos: o / o / o.
Artigos indeterminados: um / um / um / um.
Masculino e feminino.
Gênero e número nos artigos.
Artigos com dias da semana.
Ausência de artigo.
Formulários de contrato: de / para.

O pronome
Pronome subjetivo.
Diferença você / você.
Pronome acusativo (OD): lo, la, los, las.
Pronome dativo (OI): le, les.
A construção dativo / acusativo duplo: se + lo (s) / la (s).
Presença / ausência de pronome.
Pronomes interrogativos: como? De onde? Quanto? …
Pronomes interrogativos: o quê?, Qual, qual?
Pronomes exclamativos.
Seja impessoal.

Possessivos
Determinantes possessivos: mi / tu / su.
Pronomes possessivos.
Os demostrativos
Determinantes demonstrativos: isto / aquilo / aquilo.
Pronomes demonstrativos.
Os quantificadores
Números cardinais.
Números ordinais até o décimo.
Muito muito.
Quantitativo: muito, um pouco, alguma coisa, nada, …
Indefinido: algo / algum / alguém, nada / não / ninguém.

Preposições
Preposições simples.
Proposições compostas: atrás, ao lado, na frente, …

O advérbio e as frases adverbiais
Colocar advérbio: aqui, ali, perto, longe … Distância: 20 km, 10
minutos.
Advérbios de tempo: hoje, amanhã, ontem, …
Advérbios de quantidade: pouco, muito, …
Advérbios de frequência: geralmente, freqüentemente, …
Advérbios na mente. Regra geral.
O que + advérbio.
também não.
Expressões de frequência: todos os dias, …
Expressões temporárias: às … pela manhã …

Interjeições
Valores de interjeições como ah! Oh, ei!

O verbo
Presente do indicativo. As três conjugações.
Verbos regulares.
Verbos irregulares.
– irregularidades de ser, ser, ter;
– irregularidades de saber e dar;
– irregularidades vocálicas e consoantes.

Verbos com defeito.
Verbos pronominais: chame a si mesmo.
Verbos reflexivos: levantar, deitar, acordar, …
Diferenças entre verbos com reflexivo / sem reflexivo: ficar / se, ir / se.
Presente para o futuro.
Preferências entre o presente habitual e o presente presente.

Diferenças no uso entre ter / ter.

O verbo have.
– em sua forma impessoal existe;
– como um auxílio para formas perfeitas.

Verbos com atributo: ser, ser e aparecer.
Diferenças entre ser / ser.
– ser + profissão / ser + de + país / cidade;
– ser + adjetivo / estar + no + lugar;
– estar / estar com bom / mau, bom / mau;
– ser + material.

Verbos intransitivos: vai, vem, chega, …
Funcionamento de verbos com tipo dativo gustar.
Futuro Simples: morfologia e uso.
Presente Perfeito de Indicativo: morfologia e usos.

Imperativo.
– morfologia e uso de algumas formas básicas do Imperativo.

Perífrase verbal
Você tem que / tem que + Infinitivo.
Estar + Gerund.
Vá para + Infinitivo.

Formas não pessoais do verbo
Infinitivo simples em todas as três conjugações.
Gerúndio simples nas três conjugações.
Particularidades regulares (e algumas irregulares) nas três conjugações.
Particípio com valor atributivo.
Particípio em tempos compostos.

Frases simples
A concordância sujeito-verbo.
O pedido SVO.
Frases declarativas.
Frases interrogativas diretas.
Impessoal com os verbos haber e do.
Orações copulativas. O atributo.
Frases transitivas e intransitivas.
Frases reflexivas.
Impessoal com verbos de fenômenos atmosféricos.
Frases simples unidas por justaposição.

Frases coordenadas
Laços copulativos: y, ni.
Links disjuntivos: o.
Adversários do Nexus: mas.

Orações subordinadas

1. Orações substantivas subordinadas
Sentenças Subordinadas Subordinadas do Infinitivo
– função da disciplina: gosto de estudar espanhol;
– Função OD: quero aprender espanhol.
Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
– Função OD: Acho que meu professor é bom.

2. Orações subordinadas de adjetivos
O pronome relativo isso.

3. Orações subordinadas adverbiais
Pare nas frases finais.
Porque em sentenças causais.

II.- Conteúdo funcional para o nível A1

1 Dê e peça informações
Dê e peça informações pessoais básicas.
Dê e peça informações sobre o horário.
Dê e peça informações sobre direções.
Dê e peça informações sobre distâncias.
Dê e peça informações sobre comida.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre aspectos meteorológicos.
Dê e peça informações sobre preços.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Peça palavras.
Soletre.

Descrever e narrar
Existência de expressão.
Identifique objetos. Mostre algo.
Descreva e compare países / cidades.
Descrição das paisagens.
Descreva e localize objetos.
Descreva-se.
Descreva fisicamente as pessoas.
Descreva a personalidade.
Compare pessoas.
Compare objetos.
Fale sobre o momento em que uma ação ocorre.
Descreva as ações que ocorrem no presente.
Descreva a rotina diária.
Descreva hábitos.
Narrar no passado.
Fale sobre o futuro.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Expressar opinião.
Avaliar.
Expressar concordância e discordância.
Fale sobre habilidades, habilidades e capacidades.
Expresse ignorância.
Generalizar.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Fale sobre hobbies.
Expresse e peça gostos pessoais.
Expresse e peça preferências.
Expresse e peça planos e intenções.
Expresse e peça desejos.
Expresse surpresa ou admiração.
Mostrar interesse em um objeto

4. Influenciar o interlocutor
Pedir permissão em situações básicas.
Dê comandos básicos.
Dar instruções.
Pedir ajuda.
Peça objetos e produtos.

5. Socializar
Saudações e despedidas.
Introduzir-se.
Apresente alguém (formal e informal).
Desculpar-se.
Propor uma reunião / atividade.

Marcar / recusar um compromisso.
Parabenizar.
Parabenizar.
Convidar.
Dar as boas vindas.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação e reaja.
Pergunte por uma pessoa e responda.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível A1

Fonética
Sistema fônico espanhol.
Ponto e modo de articulação de vogais e consoantes.
Reconhecimento de ditongos.
Reconhecimento de sílabas tônicas.
Correspondência entre fonemas e letras.
Discriminação de vibração única e múltipla.
Discriminação vibrante múltipla e “dr”.
Discriminação de paradas mudas e sonoras.
Reconhecimento do som / ñ /.
Reconhecimento de sílabas tônicas.
Entonação em frases declarativas, interrogativas e exclamativas.

Ortografia
O alfabeto.
Ortografia do espanhol: La ñ.
Ortografia básica.
Sotaque e til.
Uso de sinais básicos de pontuação: ponto final, vírgula, dois pontos, reticências, parênteses, ponto de interrogação e ponto de exclamação.

I.- Conteúdo gramatical para o nível A2

O substantivo
Nomes próprios. Nomes comuns.
Sexo e número de substantivos.
Masculino feminino.
Formação de plurais. O dual.
O sintagma nominal
Concordância em gênero e número de determinante, substantivo e adjetivo.

A ordem do sintagma nominal.

O adjetivo
Adjetivos qualificativos.
Apocope: bom / bom, mau / mau, ótimo / ótimo, primeiro / primeiro …
Notas do adjetivo.

A frase adjetiva
Modificadores do adjetivo: advérbios e o exclamativo qué + adjetivo.

O artigo
Valores determinados / indeterminados.
o, uma frente de atônico: a sala de aula / as salas de aula; uma sala de aula / algumas salas de aula.
A ausência de um artigo.

O pronome
A ausência de um assunto em espanhol.
Tu você.
Seja pronunciado / reflexivo / impessoal.
O uso da segunda pessoa como impessoal.
Revisão dos pronomes OD.
Revisão dos pronomes OI.
Colocação dos pronomes OD e OI.
Pronomes relativos isso, aquilo, aquilo.
Revisão de pronomes interrogativos.
Revisão dos pronomes exclamatórios.

Possessivos
Revisão de possessivos: meu / meu / meu.
Combinação com outros elementos.

Os demonstrativos
Revisão dos demonstrativos: isto / aquilo / aquilo.

Os quantificadores
Revisão dos numerais cardinais.
Ordinais do décimo.
Indefinido: algo / algum / alguém; nada / não / ninguém.
Quantificadores: ambos / so; muito / muito.
Quantificador universal: tudo.

Preposições
Revisão de preposições simples.
Revisão das preposições compostas.

O advérbio e as frases adverbiais
Advérbios de lugar.
Advérbios de tempo.
Recursos para ordenar uma história: primeiro, depois, finalmente, …
Advérbios de quantidade.
não mais / ainda não / ainda não.

Interjeições
Valores de interjeições como ah! Oh, ei!
A interjeição Ojalá!

O verbo
Presente Indicativo com atenção especial para formas irregulares.
Revisão de verbos reflexivos.
Usos do presente.
Presente de costume.
Presente pelo passado: o presente histórico.
Presente com valor futuro.

Revisão das formas do Passado Perfeito.
Marcadores temporais.
Passado indefinido: regular e irregular.
Formulários. Marcadores temporais.
Indicativo imperfeito.
Formulários. Marcadores temporais.

Uso de tempos passados.
Contrastes entre Pto. Perfeito, Imperfeito e Indefinido.

Obrigações regulares e irregulares.
Imperativo com verbos reflexivos.
Imperativo com os pronomes OD e OI.
Imperativo negativo.
Imperativo em frases independentes: venha, ouça, tenha, tenha …
Usos do imperativo.

Introdução à condicional simples: você deve + inf., seria conveniente + inf.

Diferenças nos usos de ser / estar.

Perífrase verbal
Perífrases verbais aspectos:
Revisão de estar + Gerund. Estar (no passado) + Gerúndio;
seguir + ger., parar + inf.; volte para + inf. ser cerca de + inf.,
colocar a + inf; transporte + quantidade de tempo + Gerúndio.
Revisão de ir para + inf.

Perífrase verbal modal:
Pode / não pode + inf. , você tem que / tem que / dever + inf.
colocar, colocar + adjetivo / substantivo, colocar a + inf.

Formulários não pessoais
Infinitivo na função do sujeito: O melhor é + inf.
Infinitivo na função OD: Proibido + inf.
Infinitivo com valor imperativo.
Gerúndio em construções periféricas.
Particípio com valor atributivo.
Particípio em tempos compostos.

Frases simples
Variações na ordem SV.
Aprofundar o uso de verbos como gustar e verbos defeituosos como ferir.
Orações de desejo com esperança!
Impessoal consigo mesmo.
Frases coordenadas
Copulativos e disjuntivos: Ênfase na substituição de e para e e para ou para u.

Orações subordinadas

1. Orações substantivas subordinadas
1.1. Sentenças Subordinadas Subordinadas do Infinitivo
Quer + inf. / Want + substantivo

1.1. Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
Função OD: Eu quero + Subjuntivo.

2. Orações subordinadas de relativo
Introduzido por pronomes relativos: aquele que, aquele que …

3. Orações subordinadas adverbiais
– Apenas no modo Indicativo –
Temporário: links antes, depois, quando.
Causas: links porque, por que, como.
Finais: nexo para.
Condicionais: (no presente indicativo) nexo si.
Consecutivo: links, portanto.
Comparações: as … as; menos … que, melhor … que, maior … que.

II.- Conteúdo funcional para o nível A2

1 Dê e peça informações
Dê e peça informações pessoais.
Dê e peça informações sobre o horário.
Dê e peça informações sobre comida.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre preços.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Dê e peça informações sobre propósitos.

Descrever e narrar
Localize objetos no espaço.
Identifique pessoas.
Fale sobre outras pessoas.
Descreva relacionamentos e semelhanças.
Descreva o desenvolvimento de uma ação.
Narrar eventos presentes.
Narrar a rotina diária.
Narrar eventos históricos.
Narrar ações em desenvolvimento no passado.
Descreva e compare objetos.
Descreva e compare fisicamente com os pessoais.
Descreva e compare personalidades.
Descreva situações do passado.
Localize as ações a tempo.
Relate e relate eventos passados.
Relate nossa vida acadêmica e profissional.
Compare eventos passados ​​com o presente.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Argumente.
Justifique uma opinião.
Expressar opinião, concordar, discordar.
Avalie uma ideia.
Avalie um fato.
Relações de valor.
Expressão da causa, consequência e propósito.
Dificuldade expressa.
Expresse e defenda nossas habilidades.
Generalize. 1. Dê e peça por informação
Dê e peça informações pessoais.
Dê e peça informações sobre o horário.
Dê e peça informações sobre comida.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre preços.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Dê e peça informações sobre propósitos.

Descrever e narrar
Localize objetos no espaço.
Identifique pessoas.
Fale sobre outras pessoas.
Descreva relacionamentos e semelhanças.
Descreva o desenvolvimento de uma ação.
Narrar eventos presentes.
Narrar a rotina diária.
Narrar eventos históricos.
Narrar ações em desenvolvimento no passado.
Descreva e compare objetos.
Descreva e compare fisicamente com os pessoais.
Descreva e compare personalidades.
Descreva situações do passado.
Localize as ações a tempo.
Relate e relate eventos passados.
Relate nossa vida acadêmica e profissional.
Compare eventos passados ​​com o presente.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Argumente.
Justifique uma opinião.
Expressar opinião, concordar, discordar.
Avalie uma ideia.
Avalie um fato.
Relações de valor.
Expressão da causa, consequência e propósito.
Dificuldade expressa.
Expresse e defenda nossas habilidades.
Generalizar.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Fale sobre gostos e preferências.
Fale sobre sentimentos.
Interesse rápido.
Expresse surpresa, antipatia e simpatia.
Expressão de sensações físicas.
Expresse dores ou sofrimentos.
Fale sobre intenções e projetos.

4. Influenciar o interlocutor
Convide.
Chame a atenção de alguém.
Fazer recomendações.
Dar instruções.
Dar conselhos.
Fazer recomendações.
Proibição expressa.

5. Socializar
Diga olá, apresente-se, diga adeus.
Apresente alguém (formal e informal).
Desculpar-se.
Parabenizar.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação e reaja.
Pergunte por uma pessoa e responda.
Solicite que uma história seja iniciada.
Apresente um tópico de história.
Organize as informações.
Interromper.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível A2

Fonética
Sons que oferecem mais dificuldade: / r /, / x /, /? /.
Entonação de acordo com as diferentes funções comunicativas.
Entonação e ironia.
Sotaque de intensidade.
Reconhecimento da pronúncia característica dos falantes da mesma língua.

Ortografia
Uso do sotaque em espanhol.
O til diacrítico.
Restrições para consoantes duplas em espanhol: ll, rr, cc.
Consoantes capazes de ser uma palavra em espanhol: r, s, l, n, d, z.
Correspondências entre grafias e sons: b, v, w.
Correspondências entre grafias e sons: z, c, k, q.
Correspondências entre grafias e sons: o h.
Correspondências entre grafias e sons: y, ll.
Correspondências entre grafias e sons: r, rr.
Uso de letras maiúsculas.
Uso de sinais de pontuação: ponto-e-vírgula, reticências, barra, aspas.
Acrônimos e abreviações.

I.- Conteúdo gramatical para o nível B1

O substantivo
O gênero dos nomes. Nomes epicenos.
O número de nomes. Substantivos invariáveis.
Singularia tantum. Pluralia tantum.
O número em sobrenomes e sobrenomes.

O sintagma nominal
Complementos: aposições explicativas e frases prepositivas.
Concordância do SN com o verbo.

O adjetivo
Modificadores de adjetivo: excessivamente, demais, …
Revisão de comparativos e superlativos.
Substantivação de adjetivos determinando el.

A frase adjetiva
Complementos adverbiais.
Modificadores.

O artigo
Artigos certos e indeterminados.
Restrições devido à presença de determinantes modificadores.

O pronome
Ausência / presença de pronomes sujeitos.
Pronomes OD. Presença dupla.
Colocação e ordem com as formas de Infinitivo e Gerúndio.
Revisão de pronomes OI com verbos de linguagem.
Tu você.
Pronomes relativos que / quem.
Qual + adjetivo!
O que + substantivo + so / mais + adjetivo!

Possessivos
Formas opostas átonas / tônicas.
Combinação com outros elementos.

Os manifestantes
Possibilidades de combinação com outros elementos.

Os quantificadores
Todos / a maioria / alguns …

Preposições
Revisão das proposições.
A + objeto direto da pessoa.
Por para.

O advérbio e as frases adverbiais
Marcadores temporários do passado e do futuro.
Conectores de história: de repente, de repente, (e) então, …
Não mais / Ainda não.
Provavelmente / Certamente / Possivelmente + Futuro.
Talvez, talvez, talvez.

Interjeições
As interjeições uau! A interjeição Ojalá!

O verbo
Revisão do Indicativo Presente, com atenção especial às irregularidades.

Revisão do Passado Perfeito, com atenção especial às irregularidades.

Revisão do Passado Indefinido, com atenção especial às irregularidades.
Revisão do Imperfect Imperfect, com especial atenção às irregularidades.
Pto. Pluscuamperfecto de Indicativo
Contraste entre tempos passados.

Presente Subjuntivo regular e irregular.

Imperfeito Passado Subjuntivo.

Condicional simples.

Revisão do imperativo afirmativo e negativo.

Revisão de ser y estar.
Ser e ser com mudanças de sentido.

Revisão Simples do Futuro.
Futuro composto.

Perífrase verbal
Revisão da perifrase verbal.
Perífrase modal em condicional: deveríamos / deveríamos + infinitivo.

Formulários não pessoais
Infinitivo: Usos. Sujeito e funções OD.
Gerúndio: valor verbal e adverbial.
Particípio: valor predicativo.

Frases simples
Duvidoso em indicativo introduzido por talvez, talvez, provavelmente, …
Orações de desejo com esperança!

Frases coordenadas
O nexo, no entanto.
Consecutivo com então, isto é, assim (é) aquilo.

Orações subordinadas

1. Orações substantivas subordinadas
1.1. Sentenças Subordinadas Subordinadas do Infinitivo
– Função de assunto
Acho difícil / Acho difícil + Infinitivo.
Isso me assusta + Infinitivo.
(Não) é lógico, (não) é difícil, (não) é normal … + Infinitivo.

– Função DO
Quer / Espera + Infinitivo.
Eu te proíbo + Infinitivo.

1.2. Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
– Função de assunto
Eu gosto + disso + Subjuntivo; Eu gostaria de + Subjuntivo imperfeito.
Acho difícil / difícil + isso + Subjuntivo.
Tenho medo + daquele + Subjuntivo.
Tenho vergonha + disso + Subjuntivo.

Amo (n) / Amo (n) + isso + Presente Subjuntivo

(Não) é lógico, (não) é difícil, (não) é normal … + isso + Subjuntivo.
(Não) é claro, (não) é óbvio, (não) é verdade .. + que + Ind. / Subjuntivo.
É provável que, talvez, seja + Ind. / Subjuntivo.

Escolha de modo indicativo ou subjuntivo

– Função DO
Com verbos volitivos: Quer + que + Subjuntivo.
Com verbos de pensamento: Eu acho / acho que + Indicativo; Eu não penso / não penso + isso + Subjuntivo.
Com verbos de influência: Perguntar / exigir / recomendar / proibir + Indicativo.
Com verbos de linguagem: Dizer + que + Subjuntivo / Indicativo; Pergunte + sim + indicativo.

Estruturas para o referido discurso.
Escolha do modo Indicativo ou Subjuntivo.

2. Frases relativas
Orações relativas com preposição.
Oposição que / quem.
Usos do indicativo e do subjuntivo em sentenças relativas.

3. Orações subordinadas adverbiais
3.1. Orações temporárias
Introduzido por quando + Indicativo / Subjuntivo.
Introduzido por before / after + Infinitive.
Introduzido por até + Infinitivo.
Apresentado por while + Indicativo.

3.2. Coloque frases
Introduzido onde. Em modo indicativo e com antecedente.

3.3. Sentenças de modo
Introduzido por like. Em modo indicativo.

3.4. Sentenças causais
Introduzido por como e por. Em modo indicativo.

3.5. Frases consecutivas
Introduzido por assim, então (é) isso.

3.6. Orações concessivas
Orações concessivas. embora + Indicativo / Subjuntivo

3.7. Frases comparativas
Introduzido igualmente de… do que, mais / menos… do que.
Diferenças entre mais que / mais que.

3.8. Frases finais
Introduzido pelo para. Em modo indicativo.
Diferenças entre Para / para quê / para quê.

3,9. Frases condicionais
Sim + Presente + Presente.
Sim + Presente + Futuro.
Sim + Presente + Imperativo.
Si + Imperfeito Subjuntivo + Condicional.

II.- Conteúdo funcional para o nível B1

1 Dê e peça por informação
Dê e peça informações pessoais.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Dê e peça informações sobre propósitos.
Transmita mensagens.
Transmita pedidos, solicitações e conselhos.
Pegue e deixe mensagens no telefone.
Consulte o que outras pessoas disseram no passado.

Narrar e descrever
Identifique objetos e pessoas.
Descreva as características e operação de algo.
Fale sobre os hábitos do presente.
Fale sobre hábitos do passado.
Fale sobre as circunstâncias do presente.
Fale sobre as circunstâncias do passado.
Fale sobre ações e situações futuras.
Fale sobre o início e a duração de uma ação.
Localize uma ação a tempo.
Narrar eventos anteriores.
Coloque ações no passado e no presente.
Ações sequenciais.
Narrar anedotas.
Conte no presente.
Relate experiências anteriores.
Fale sobre experiências passadas e valorize-as.
Relate nossa vida acadêmica e profissional.
Resuma um argumento.
Escreva uma notícia.
Fale sobre relacionamentos entre pessoas.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Discuta e debata.
Defenda uma posição.
Justifique as opiniões.
Graus expressos de segurança.
Dê desculpas e se justifique.
Mostre concordância e discordância.
Contra-argumentar.
Comentário sobre objetos.
Dê sua opinião sobre ações e comportamentos.
Expresse conhecimento e ignorância.
Expresse impessoalidade.
Necessidade expressa.
Condições expressas.
Formule hipóteses.
Faça hipóteses e conjecturas.
Evoque situações imaginárias.
Expresse a consequência.
Consulte uma notícia e comente sobre ela.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Expressar desejos.
Peça desejos.
Expresse o desejo de fazer algo.
Reaja a um desejo de outra pessoa.
Expresse e defenda nossas habilidades.
Fale sobre habilidades.
Fale sobre as dificuldades.
Fale sobre emoções.
Avalie situações e fatos.
Expresse intenções e sentimentos.
Interesse rápido.
Tédio expresso.
Expresse raiva e indignação.
Expresse medo, ansiedade e preocupação.
Vergonha expressa.
Nervosismo expresso.
Expresse esperança.
Expresse surpresa e surpresa.
Expresse admiração.

4. Influenciar o interlocutor
Proibição expressa.
Obrigação expressa.
Solicite e dê permissão.
Propor soluções.
Recomendar e aconselhar.
Dar instruções.
Dar conselhos.
Avisar.
Reivindicações expressas.
Pedir um favor.
Pedir ajuda.
Peça objetos.
Repreensão.
Tranquilizar.
Faça uso literário da linguagem.

5. Socializar
Diga olá, apresente-se, diga adeus.
Apresente alguém (formal e informal).
Solicite para ser destacado.
Desembrulhe por telefone.
Mostre apreciação.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação.
Peça que uma história seja iniciada e reaja.
Apresente o tópico.
Controle a atenção do interlocutor.
Reformule o que foi dito.
Interromper.
Conceda a palavra.
Conclua a história.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível B1

Fonética
O sotaque fonético.
União de vogais.
Entonação em frases de desejo.
Entonação de acordo com as diferentes funções comunicativas. Valores significativos.
Revisão dos fonemas da língua espanhola e sua transcrição gráfica.
Significado de silêncios e pausas.
Reconhecimento de sotaques não nativos (sem identificá-los).

Ortografia
Revisão da correspondência entre fonemas e letras.
Acentos e tons.
Sinais de pontuação.
Sílabas e sua correta separação na escrita.
Capitalização mais profunda
Uso de sinais de pontuação: parênteses, aspas, hífen, travessão.
Acrônimos e abreviações.

I.- Conteúdo gramatical para o nível B2

O substantivo
Irregularidades no gênero e no número de substantivos.
Formação de substantivos.

O sintagma nominal
Acordo de coletivos.
Acordo nas enumerações.

O adjetivo
Adjetivos aproximados.
Adjetivos em função do complemento predicativo.
Sufixos apreciativos.
Formação de substantivos absolutos.
Substantivação por meio do pronome neutro lo.
Uso das ditas anafóricas, das já mencionadas e tal.

A frase adjetiva
Complementos nominais e de frase. introduzido pela preposição.

O artigo
Valor substancial disso.
Alternância de valores indefinida / definida.

O pronome
Pronomes OD e OI. Combinação de pronomes é o quê.
Pronomes relativos.
Construções relativas: quem, quem quem, quem, …
Usos de si mesmo para expressar involuntário e impessoalidade.
Uso de pronomes em funções anafóricas e catafóricas.

Possessivos
Oposição de formas átonas e tônicas.
Combinação com outros elementos.

Os manifestantes
Ligação anafórica entre frases.
O neutro cataphoric isso.

Os quantificadores
Partitivos: meio, terceiro, décimo segundo.
Multiplicativos: duplos, triplos.
Universal: todo, qualquer, qualquer.

Preposições
Regime preposicional de verbos.
Complementos nominais introduzidos pela preposição.
Por para

O advérbio e as frases adverbiais
Advérbios e expressões de probabilidade.
Conectores para posicionar os eventos no tempo.
Conectores de discurso.
Advérbios relativos.
Marcadores e construções temporárias: naquele momento, então …
Uso de advérbios de lugar e frases preposicionais com e sem referente espacial: acima / acima, fora / fora.

Interjeições
Expressões de interjeição comumente usadas: Céus! Meu Deus! Ai de mim!,…

O verbo
Valores do Indicativo Presente.
Contraste e combinação dos tempos do passado.
Subjuntivo perfeito Pto. Morfologia e usos.
Subjuntivo imperfeito Pto. Aprofundamento dos usos.
Pto. Pluscuamperfeito do Subjuntivo. Morfologia e usos.
Usos do subjuntivo no estilo indireto
Futuro perfeito. Morfologia e usos.
Usos do futuro para formular hipóteses.
Revisão condicional simples.
Composto condicional. Morfologia e usos.
Revisão imperativa.
Usos de ser y estar.
Construções passivas. Uso de frases passivas.
Passivo reflete.
Perífrase verbal
Revisão da perífrase verbal aspectual e modal.
Formulários não pessoais
Infinitivo composto. Morfologia e usos.
Gerúndio: valores temporais e predicativos.
Particípio como complemento predicativo
Particípio na voz passiva.

Frases simples
Duvidoso em indicativo ou subjuntivo introduzido por talvez, provavelmente, …
Frases passivas.
Frases impessoais.

Frases coordenadas
Nexos mas e não obstante.
Consecutiva: para que.
Explicativo: isto é, isto é, isto é, …

Orações subordinadas

1. Orações substantivas subordinadas
Orações nominais com indicativo ou subjuntivo.

1.1. Sentenças Subordinadas Subordinadas do Infinitivo
– Função de complemento preposicional:
Eu me atrevo a ir.
– Função DO
Expressão de sentimentos com infinitivo:
Eu quero ir para a Austrália.

1.2. Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
– Função DO
Expressão de sentimentos com subjuntivo.
Expressões de opinião com indicativo ou subjuntivo.
Expressões de avaliação com infinitivo ou subjuntivo.
Expressões de verificação e avaliação com Indicativo ou Subjuntivo.

2. Frases relativas
Pronomes e advérbios relativos.
Orações relativas com indicativo ou subjuntivo.
Orações relativas com antecedente pronominal indefinido.
Outro parente.
Orações relativas sem antecedente com subjuntivo.
Correlação de tempo verbal em frases relativas.

3. Orações subordinadas adverbiais

3.1. Orações temporárias
Introduzido por quando + Indicativo / Subjuntivo.
Introduzido por antes / depois + que + Indicativo / Subjuntivo.
Apresentado por while + que + Indicativo / Subjuntivo.
Apresentado por até + que + Subjuntivo.
Apresentado uma vez + que + Indicativo / Subjuntivo.
Apresentado por al / nada más + Infinitive

3.2. Coloque frases
Introduzido por onde combinado com preposições de, de, a, … em modo Indicativo e Subjuntivo.

3.3. Sentenças de modo
Introduzido por like. Em modo Indicativo e Subjuntivo.
Introduzido por de acordo com. Em modo Indicativo e Subjuntivo.

3.4. Sentenças causais
Inserido por como, por, porque, porque … no modo Indicativo.

3,5. Sentenças consecutivas
Introduzido por so (to) … that.

3,6. Orações concessivas
Apresentado por embora + Indicativo / Subjuntivo.
Apresentado por apesar + Indicativo / Subjuntivo.
Outros links: se … ou …, e sobre …

3,7. Frases comparativas
Apresentado por so … like, like, like …
Apresentado por não mais que, nada mais que.
Diferenças entre mais que / mais que.

3,8. Orações finais
Introduzido por para + que + Subjuntivo.
Introduzido por um + que + Subjuntivo.
Introduzido por para + que + Subjuntivo.
Apresentado por um + Infinitivo.
Outros links: com o propósito de, por ocasião de, com o objeto de + Infinitivo.

3,9. Sentenças condicionais
Correlação de tempo. Consecutio temporum.
Si + Pluscuamperfeito de Subjuntivo + Composto Condicional.
Links condicionais: desde que, desde que, …

II.- Conteúdo funcional para nível B2

1 Dê e peça por informação
Identifique ações, objetos, lugares e pessoas.
Pedir e dar informações sobre se alguém conhece alguém ou sabe de algo.
Peça e dê informações sobre as qualidades das pessoas.
Peça e dê informações sobre as qualidades dos objetos.
Descreva os movimentos e situações de pessoas e coisas.
Transmita ordens.
Passe adiante informações no passado.
Transmita solicitações e avisos.
Consulte as promessas feitas no passado.

Narrar e descrever
Fale sobre o passado.
Fale sobre ações habituais no passado.
Fale sobre um trabalho: qualidades, funções, problemas, …
Coloque diferentes ações no passado.
Coloque os eventos no tempo.
Descreva ações, objetos, lugares e pessoas.
Compare ações, objetos, lugares e pessoas.
Descreva a postura corporal.
Descreva o humor.
Faça comparações e marque as diferenças.
Fale sobre personalidade. Fale sobre personagem.
Expresse condições não realizadas / irreais no passado.
Indique quando a ação ocorre.
Relate diferentes momentos no tempo.
Escreva uma notícia.
Lembre-se da vida de uma pessoa.
Consulte os eventos anteriores.
Sequenciar atividades futuras.
Relacione diferentes ações futuras.
Fale sobre eventos não realizados no passado e suas consequências.
Fale sobre experiências anteriores.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Expresse opiniões.
Peça opiniões.
Argumentar.
Acordo ou desacordo expresso.
Apresentar ideias.
Dê sua opinião e valor.
Avalie eventos e experiências passadas.
Explique a causa e a consequência de uma ação.
Avalie diferentes opções.
Expresse hipóteses improváveis.
Estabeleça condições.
Estabeleça requisitos.
Fale sobre costumes sociais
Lamento.
Formule hipóteses.
Probabilidade expressa.
Expresse um obstáculo a uma ação.
Expressa involuntário.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Expressar desejos.
Peça desejos.
Expresse desejos improváveis ​​ou impossíveis.
Planos expressos.
Peça planos.
Propósito expresso.
Expresse intencionalidade.
Pergunte por intenções.
Fale sobre ideias ou expectativas anteriores.
Reaja expressando sentimentos.
Expressar habilidades.
Peça habilidades.
Expressar sentimentos.
Fale sobre sentimentos no presente.
Fale sobre sentimentos do passado.
Interesse rápido.
Tédio expresso.
Expresse raiva e indignação.
Expresse medo, ansiedade e preocupação.
Vergonha expressa.
Nervosismo expresso.
Expresse esperança.
Expresse surpresa e surpresa.
Expresse admiração.
Expresse desapontamento.
expressar arrependimento

4. Influenciar o interlocutor
Dê instruções e ordens.
Dar conselhos.
Propor.
Corrija informações incorretas.
Peça algo formalmente.
Reivindique o cumprimento de um compromisso.
Chame a atenção para um problema.
Influencie a consciência de outras pessoas.
Repreensão.
Faça uso literário da linguagem.

5. Socializar
Diga olá, apresente-se, diga adeus (no livro próprio).
Apresente alguém (formal e informal).
Solicite para ser destacado.
Mostre apreciação.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação.
Destaque ou dê importância a algo.
Apresente o tópico.
Aludindo a tópicos ou intervenções de terceiros.
Dê a escolha ao interlocutor.
Gerenciar turnos de fala.
Coesão de textos.
Dê coerência a um texto.
Argumentos de sequência.
Exemplificar.
Reformule o que foi dito.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível B2

Fonética
Depurando o sotaque e possíveis erros fonéticos.
Reconhecimento das diferenças de pronúncia entre a Espanha e a América Latina.
Revisão dos fonemas da língua espanhola e sua transcrição gráfica.
Significado de silêncios e pausas.
Reconhecimento de sotaques não nativos (sem identificá-los).

Ortografia
Revisão das regras gerais de acentuação.
Uso extensivo de sinais de pontuação.
Sílabas e sua correta separação na escrita.
Revisão de capitalização.
Revisão do uso de sinais de pontuação.
Fontes: uso de itálico, sublinhado e negrito.
Acrônimos e abreviações.

I.- Conteúdo de gramática para nível C1

O substantivo
Os nomes próprios, seu significado e seu valor.
Mudança de gênero com mudança de significado.
Plurais em palavras esdrújulas que mudam a posição do acento.
Plural em palavras estrangeiras.
Plural em nomes de família.

O sintagma nominal
Nomeações.
Anexos ou modificadores de natureza restritiva.
Modificadores de frase.

O adjetivo
Adjetivos compostos.
Posição do adjetivo.
Adjetivos isolados na função do complemento predicativo.
Metabase do adjetivo.

A frase adjetiva
Complementos introduzidos pela preposição.
Expressões de quantificação.

O artigo
Os usos e o significado de artigos definidos e indeterminados (e sua ausência) em diferentes contextos.
A ausência de um artigo.

O pronome
O uso de pronomes pessoais e seu significado nos contextos em que aparecem.
Neutra isso, isso e isso.
Orações com você mesmo.
Pronomes relativos com preposição.
Leísmo, loísmo e laísmo.

Possessivos
Combinação com o pronome lo.
Valor do quantificador.
Expressões fixas com possessivos.

Os demonstrativos
Valores anafóricos.
Posição pós-nominal em exclamações com o quê.

Os quantificadores
Quantificadores numéricos partitivos.
O tudo universal.
O quantificador relativo quanto.
Quantificadores inclusivos e exclusivos.

Preposições
Regime preposicional de verbos.
Preposições combinadas.

O advérbio e as frases adverbiais
Restrições para a formação de advérbios com -mente.
Conectores discursivos: aditivos, consecutivos, contra-argumentativos….
Advérbios nocionais ou de ponto de vista.

Interjeições
Substantivos em função interjetiva: Mãe! Ostras !, …

O verbo
Valores das formas verbais de presente, passado e futuro em Indicativo e Subjuntivo.
Valores das formas condicionais.
Usos do Presente e do Indicativo Imperfeito no estilo indireto.
Usos do passado no estilo indireto.
O Futuro e o Condicional no estilo indireto
O Presente e o Imperfeito do Subjuntivo no estilo indireto.
Contraste de verbos no passado. Usos do passado para se referir a momentos anteriores.
Uso de tempos passados ​​nas avaliações.
Condicional simples e composta.
O Subjuntivo em sentenças independentes.
A voz passiva.
Concordância temporal: presente, imperfeito, perfeito e mais-perfeito do Subjuntivo.
Estilo indireto ou discurso referido no pretérito.
As sentenças reduplicativas.

Perífrase verbal
Revisão da perífrase verbal aspectual e modal: perífrase infinitivo, gerúndio e particular.
A perífrase do futuro.
Perífrase ir + Gerúndio; tem + Particípio.
Perífrase com saída, finalização e caminhada.

Formulários não pessoais
Usos do infinitivo: temporário, concessivo, condicional.
Usos do Gerúndio: valor causal, condicional, concessivo e modal.
Usos do Particípio: temporário, concessivo, causal.
O particípio absoluto.

Frases simples
Acordo ad sensum,
Variações na ordem SVO,
Sujeito e preposições de objeto em sentenças interrogativas,

Frases coordenadas
Asyndeton e polysyndeton,
Vínculos distributivos,

Orações subordinadas

1 Orações substantivas subordinadas
1.1. Sentenças subordinadas subordinadas do infinitivo
Alternância entre infinitivo e verbo conjugado,

1.2. Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
Função do assunto:
Expressão de sentimentos + Subjuntivo imperfeito,
Expressão de sentimentos + Subjuntivo Perfeito,
Expressão de sentimentos + condicional,

Função OD:
Consecutio temporum no estilo indireto,
Expressão de desejos + Presente / Subjuntivo perfeito,
Expressões usadas no estilo indireto,
Usos do subjuntivo para comentar e valorizar informações,
Usos do Subjuntivo para declarar o que pensamos ou questionar o que os outros pensam,
Usos do Subjuntivo na formulação de desejos e objetivos,
Uso do presente e do subjuntivo imperfeito dependendo do presente ou do passado: Fiquei surpreso que …
A concordância temporal em orações subordinadas substantivas. Os tempos do Subjuntivo,

2. Frases relativas
Orações relativas específicas,
Frases relativas explicativas,
Orações relativas com preposição,
Indicativo ou Subjuntivo em sentenças relativas,
Frases relativas para indicar local e modo,

3. Orações subordinadas adverbiais
3.1. Orações temporárias
A sentença temporária com indicativo ou subjuntivo.
Antes e depois com infinitivo ou subjuntivo,
Enquanto com Indicativo ou Subjuntivo.

3.2. Coloque frases
Introduzido onde,
Introduzido por onde combinado com preposições.

3.3. Sentenças de modo
Nexos: como, como se.

3.4. Sentenças causais
Expressões causais com Indicativo e Subjuntivo,
Nexos: porque, apenas porque, por causa de quê, graças a quê, por causa de quê.

3.5. Frases consecutivas
Expressões de conseqüência.
Nexos: então, então, então, total, então, portanto …

3.6. Orações concessivas
Embora com Indicativo e Subjuntivo.
Expressões concessivas.

3.7. Frases comparativas
Como se + Imperf. ou Plusc. do Subjuntivo.

3.8. Orações finais
Expressões de propósito.
Ligações: para (o que), com vista a (o quê), com o objeto / finalidade de (o quê), a fim de (o quê).

3,9. Sentenças condicionais
A sentença condicional com if.
Sentenças condicionais reais.
Frases condicionais difíceis ou impossíveis.
Frases condicionais irreais ou impossíveis.
Uso do Subjuntivo em sentenças condicionais.
De + Infinitivo para expressar condições.
Expressão de hipóteses no presente e no passado.
Outras condicionais: condicionais mínimas, negativas, remotas e indesejadas.
Consecutio temporum em sentenças condicionais.

II.- Conteúdo funcional para o nível C1

1 Dê e peça por informação
Dê e peça informações pessoais.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Dê e peça informações sobre propósitos.
Dê informações corrigindo outras informações anteriores.
Peça confirmação.
Questione uma informação.
Transmita mensagens (no presente e no passado).
Transmita pedidos, pedidos e conselhos (no presente e no passado).

Narrar e descrever
Identifique objetos e pessoas.
Compare objetos e pessoas.
Narrar no presente.
Narrar no passado.
Narrar sobre o futuro.
Classifique os momentos cronologicamente.
Relate momentos do passado.
Localize as ações a tempo.
Escreva uma notícia.
Escreva uma crônica.
Resuma um argumento.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Discuta e debata.
Justifique as opiniões.
Peça uma opinião.
Dê uma opinião.
Peça uma avaliação.
Avaliar.
Aprovação e desaprovação expressa.
Defenda uma posição.
Convide para um acordo.
Expressar concordância e discordância.
Mostre ceticismo.
Graus expressos de segurança.
Contra-argumentar.
Expresse certeza e evidência.
Convide para formular uma hipótese.
Possibilidade expressa.
Obrigação e necessidade expressas.
Expresse conhecimento e ignorância.
Peça habilidades.
Expressar habilidades.
Expresse que você se lembra.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Expressar desejos e interesses.
Peça desejos e interesses.
Reaja a um desejo de outra pessoa.
Expresse antipatia.
Preferências expressas.
Expresse desejos que são difíceis ou impossíveis de cumprir.
Peça desejos.
Expresse indiferença.
Peça planos e intenções.
Planos e intenções expressas.
Pergunte sobre o clima.
Reaja mostrando nossos sentimentos.
Expresse alegria e satisfação. Tristeza expressa
Expressar gostos, desejos e sentimentos (continuação)
Expresse prazer e diversão.
Tédio expresso.
Expresse raiva e indignação.
Expresse medo, ansiedade e preocupação.
Nervosismo expresso.
Expresse empatia.
Alívio expresso.
Expresse esperança.
Expresse desapontamento.
Renúncia expressa.
Expressar arrependimento.
Vergonha expressa.
Expresse surpresa e surpresa.
Expresse admiração e orgulho.
Expresse afeto.
Expresse sensações físicas.

4. Influenciar o interlocutor
Proibição expressa.
Obrigação expressa.
Solicite e dê permissão.
Propor soluções.
Recomendar e aconselhar.
Dar instruções.
Dar conselhos.
Repita um pedido anterior ou com limite de orçamento.
Reivindicações expressas.
Pedir um favor.
Pedir ajuda.
Peça objetos.
Repreensão.
Tranquilizar.
Incentive.
Ofereça e convide.
Avisar.
Ameaçar.
Prometa e se compromete.
Faça uso literário da linguagem.

5. Socializar
Diga olá, apresente-se, diga adeus.
Apresente alguém (formal e informal).
Solicite para ser destacado.
Desculpar-se.
Mostre apreciação.
Dê desculpas e justifique-se.
Dar condolências.
Parabenizar.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação.
Destaque ou dê importância a algo.
Apresente o tópico.
Aludindo a tópicos ou intervenções de terceiros.
Dê a escolha ao interlocutor.
Gerenciar turnos de fala.
Coesão de textos.
Dê coerência a um texto.
Argumentos de sequência.
Exemplificar.
Reformule o que foi dito.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível C1

Fonética
Depurando o sotaque e possíveis erros fonéticos.
Reconhecimento de variedades de dialetos regionais.
Aprofundamento das diferenças de pronúncia entre a Espanha e a América Latina.

Ortografia
Aprofundamento das regras gerais de ortografia.
Atenção às exceções ortográficas.
Soletração de palavras estrangeiras.
Ortografia de cultismos.
Ortografia de nomes de lugares em outras línguas.
Esdrújulos com mudança de sotaque no plural.
Alternâncias gráficas dos grupos bs / s, gn / n, mn / n, ps / s, pt / t, ns / s.
Revisão do uso de diferentes fontes.
Uso de todos os sinais de pontuação

I.- Conteúdo gramatical para o nível C2

O substantivo
Antropônimos com determinante.
Apelidos e pseudônimos.
Topônimos com determinante.
Formas de tratamento.
Plural em cultismos.

O sintagma nominal
Partidas pouco frequentes.
Plural majestoso.
Uso da primeira pessoa do plural.
Plural de modéstia.

O adjetivo
Adjetivos compostos.
Nomes infrequentes.
Adjetivos invariáveis ​​em termos de número.
Preposição do adjetivo. Valores.
Cultos infrequentes comparativos.
Formação de diminutivos.

A frase adjetiva
Complementos introduzidos pela preposição.
Construções atípicas.

O artigo
Valor enfático do artigo.
Valor substantivante do artigo. Restrições.
Falta de determinação.

O pronome
Valor enfático.
Estruturas redobradas.
Isso com valor anafórico.
Dativo Ético.
Expressões fixas com pronomes átonos.
Valores de você mesmo.
Restrições ao uso de pronomes relativos com preposições e com elementos modificadores.
Uso de pronomes exclamatórios.

Possessivos
Valor de intensificador.
Coragem enfática.
Valor irônico.
Expressões com possessivos.

Os demonstrativos
Posição pós-nominal com valor depreciativo.
Demonstrativo isso como um substituto para a primeira pessoa.

Os quantificadores
Ordinais.
Os dois / as distributivos.
tudo e nada como modificadores do adjetivo e do substantivo.
muito, também, muito + substantivo.
Outras estruturas quantificadoras.

Preposições
Regime preposicional de verbos.
Frases preposicionais.
Contraste por / para.

O advérbio e as frases adverbiais
Restrições para a formação de advérbios com -mente.
Negação do advérbio.
Advérbios de modus, conjuntivos, focalizadores, intensificadores e interrogativos.

Interjeições
Expressões interjetivas em desuso: Ai! Olá! (para expressão de surpresa).

O verbo
Valores das formas verbais de presente, passado e futuro em Indicativo e Subjuntivo.
Valores das formas condicionais.
Usos das formas verbais de presente, passado e futuro em registros informais.
Uso de formulários condicionais em registros informais.
Identificação de tendências no uso de tempos passados ​​em diferentes regiões da Espanha e da América Latina.
Contraste de verbos no passado.
Usos do subjuntivo em sentenças independentes e subordinadas.
Valor condicional e concessivo do Imperativo.
Aprofundando o uso da voz passiva.

Perífrase verbal
Aprofundamento no uso da perífrase verbal aspectual e modal: perífrase do infinitivo, gerúndio e particular.
Formulários não pessoais
Usos do infinitivo: temporário, concessivo, condicional.
Usos do Gerúndio: valor causal, condicional, concessivo e modal.
Usos do Particípio: temporário, concessivo, causal.
O particípio absoluto.

Frases simples
Desentendimentos deliberados.
Plural de modéstia.
Plural majestoso.
Variações na ordem SVO.

Frases coordenadas
Uso de laços copulativos.
Uso de links disjuntivos.
Uso de links adversários.
Uso de vínculos distributivos.
Uso de links explicativos.

Orações subordinadas

1 Orações substantivas subordinadas
1.1. Sentenças subordinadas subordinadas do infinitivo
Alternância entre infinitivo e verbo conjugado.

1.2. Orações de substantivos subordinados (com dois verbos conjugados)
Na função OD:
Verbos que alternam Indicativo e Subjuntivo com mudança de significado. Nuances intencionais.

2. Frases relativas
Parentes não específicos formados com-qualquer.
A sentença relativa com valor de complemento predicativo.
Acordo de pessoas em frases relativas.

Relativo justaposto.
Enfático relativo.

3. Orações subordinadas adverbiais
3.1. Orações temporárias
A sentença temporária com indicativo ou subjuntivo.
Nexos: não está bem, dificilmente, então, assim que, como, como, como, como, como (o que), …

3.2. Coloque frases
Introduzido onde.
onde + substantivo.

3.3. Sentenças de modo
Nexos: de acordo com e como, como, como, o mesmo como se, como se, …

3.4. Sentenças causais
Expressões causais com Indicativo e Subjuntivo.
Nexos: porque, só porque, porque, graças a quê, porque, …
do que em registros informais.
de + estrutura enfática com valor causal.

3.5. Sentenças consecutivas
Expressões de conseqüência.
Nexos: com que, de (tal) sorte que, quanto a, …
de + estrutura enfática com valor consecutivo.
ser de um + adjetivo + aquele com valor consecutivo.

3.6. Orações concessivas
Expressões concessivas.
Nexos: sabendo disso, embora, embora …
Portanto, com valor concessivo em registros informais.
E o que / e olhe para isso com valor concessivo em registros informais.

3.7. Frases comparativas
Nexos: como … quanto, tanto … quanto, mais … que / de, menos … que / de,
Substituição de como por quanto.
Substituição de como por qual.

3.8. Orações finais
Expressões de propósito.
Links: a (o quê), para (o quê), …
Galiciscismo a + Infinitivo.

3,9. Sentenças condicionais
Frases condicionais reais.
Frases condicionais difíceis ou impossíveis.
Frases condicionais irreais ou impossíveis.
Uso do Subjuntivo em sentenças condicionais.
De + Infinitivo para expressar condições.
Imperativo com valor de condição.

II.- Conteúdo funcional para o nível C2

1 Dê e peça por informação
Dê e peça informações pessoais.
Dê e peça informações sobre produtos e objetos.
Dê e peça informações sobre razões e causas.
Dê e peça informações sobre propósitos.
Dê informações corrigindo outras informações anteriores.
Peça confirmação.
Questione uma informação.
Transmita mensagens (no presente e no passado).
Transmita pedidos, pedidos e conselhos (no presente e no passado).

Narrar e descrever
Identifique objetos e pessoas.
Compare objetos e pessoas.
Narrar no presente.
Narrar no passado.
Narrar sobre o futuro.
Classifique os momentos cronologicamente.
Relate momentos do passado.
Localize as ações a tempo.
Escreva uma notícia.
Escreva uma crônica.
Resuma um argumento.

2. Expressar opiniões, atitudes e conhecimentos
Discuta e debata.
Justifique as opiniões.
Peça uma opinião.
Dê uma opinião.
Peça uma avaliação.
Avaliar.
Aprovação e desaprovação expressa.
Defenda uma posição.
Convide para um acordo.
Expressar concordância e discordância.
Mostre ceticismo.
Graus expressos de segurança.
Contra-argumentar.
Expresse certeza e evidência.
Convide para formular uma hipótese.
Possibilidade expressa.
Obrigação e necessidade expressas.
Expresse conhecimento e ignorância.
Peça habilidades.
Expressar habilidades.
Expresse que você se lembra.

3. Expressar gostos, desejos e sentimentos
Expressar desejos e interesses.
Peça desejos e interesses.
Reaja a um desejo de outra pessoa.
Expresse antipatia. Preferências expressas.
Expresse desejos que são difíceis ou impossíveis de cumprir.
Peça desejos.
Expresse indiferença.
Peça planos e intenções.
Planos e intenções expressas.
Pergunte sobre o clima.
Reaja mostrando nossos sentimentos.
Expresse alegria e satisfação.
Expresse tristeza.
Expresse prazer e diversão.
Tédio expresso.
Expresse raiva e indignação.
Expresse medo, ansiedade e preocupação.
Nervosismo expresso.
Expresse empatia.
Alívio expresso.
Expresse esperança. Expresse desapontamento.
Renúncia expressa.
Expressar arrependimento.
Vergonha expressa.
Expresse surpresa e surpresa.
Expresse admiração e orgulho.
Expresse afeto. Expresse sensações físicas.

4. Influenciar o interlocutor
Proibição expressa.
Obrigação expressa.
Solicite e dê permissão.
Propor soluções.
Recomendar e aconselhar.
Dar instruções.
Dar conselhos.
Repita um pedido anterior ou com limite de orçamento.
Reivindicações expressas.
Pedir um favor.
Pedir ajuda.
Peça objetos.
Repreensão.
Tranquilizar.
Incentive.
Ofereça e convide.
Avisar.
Ameaçar.
Prometa e se compromete.
Faça uso literário da linguagem.

5. Socializar
Diga olá, apresente-se, diga adeus.
Apresente alguém (formal e informal).
Solicite para ser destacado.
Desculpar-se.
Mostre apreciação.
Dê desculpas e justifique-se.
Dar condolências.
Parabenizar.

6. Estruture o discurso
Estabeleça comunicação.
Destaque ou dê importância a algo.
Apresente o tópico.
Aludindo a tópicos ou intervenções de terceiros.
Dê a escolha ao interlocutor.
Gerenciar turnos de fala.
Coesão de textos.
Dê coerência a um texto.
Argumentos de sequência.
Exemplificar.
Reformule o que foi dito.

III.- Conteúdo fonético e ortográfico para o nível C2

Fonética
Depurando o sotaque e possíveis erros fonéticos.
Reconhecimento de variedades de acordo com a posição social.
Identificação de sotaques estrangeiros.

Ortografia
Aprofundamento das regras gerais de ortografia.
Atenção às exceções ortográficas.
Soletração de palavras estrangeiras.
Ortografia de cultismos.
Alternações de vogal dupla, vogal única.
Alternâncias gráficas dos grupos bs / s, gn / n, mn / n, ps / s, pt / t, ns / s.
Palavras com grafia dupla.
Palavras que admitem dupla acentuação.
Uso correto de fontes.
Uso de todos os sinais de pontuação.

  • IC logo
  • fedele logo
  • fidescu logo
  • camara logo
  • dele logo
  • examenes ccse
  • Evaluación Lengua Española
  • Ayuda para los estudios